Publicado em Deixe um comentário

Perda de Entes Queridos

Como a Doutrina Espírita pode Ajudar a Superar a Perda de Entes Queridos?

Como a Doutrina Espírita pode Ajudar a Superar a Perda de Entes Queridos?

A Doutrina Espírita vem aclarar aos encarnados as mais diversas demandas de informações. Uma das frequentes questões é como a visão espírita pode iluminar os pensamentos e ajudar as pessoas a superarem a Perda de Entes Queridos.

Este momento tão difícil, onde pais, mães, filhos, irmãos, primos e amigos tão queridos partem desta vida, deixa um vazio gigantesco. A missão do Espiritismo é aclarar nossas mentes que não há um final nestas partidas. Que o vazio é indicativo de que nossas almas estão ligadas e que nos encontraremos mais à frente.

De Onde vem a Ligação com os Entes Queridos?

A doutrina nos ensina que a base das nossas ligações são laços fraternais e familiares, que superam a vida nos mundos inferiores de provas e expiações, regeneração etc. A reencarnação é o mecanismo pelo qual nós interagimos com nossas próprias faltas e também revivemos questões passadas com nossos: ora irmãos, ora pais e mães, ora filhos etc.

Os exemplos trazidos ao mundo através das obras já publicadas sobre as ligações cármicas, nos mostram que os laços familiares produzem milhares de exemplos de afeição entre os espíritos. Esses laços, por vezes, fazem com que espíritos mais evoluídos se lancem em encarnações penosas, para ajudar-nos em nossas provas na Terra, por puro amor.

Esses exemplo de dedicação e comprometimento com o adiantamento mútuo, nos faz sentir aquele vazio quando perdemos um ente querido. Já que, ainda que sob o véu material, em algum lugar, no fundo do nosso coração, sabemos que aquelas pessoas queridas escolheram caminhar ao nosso lado.

Precisamos Uns Dos Outros – Mensagens Espíritas Narradas

Mensagem da Obra “Calma”, pelo Espírito Emmanuel, psicografada por Francisco Câncido Xavier.

Lembranças de Entes Queridos

Todos nós temos nossos momentos de lembranças do passado e muitas vezes sofremos com a perda de entes queridos. Mas é importante lembrar que um dia estaremos todos reunidos em um mundo melhor. Por mais que pareçam penosas as provas da Terra, devemos lembrar que Deus nos quer felizes. Nossas provas e expiações são uma estrada que devemos percorrer para encontrar o Consolador. 

Lembremo-nos que cada um tem suas próprias missões e provas aqui na Terra e que, portanto, não podemos nunca encontrar injustiça nas partidas. Todos nós temos nosso plano de reencarnação e devemos cumpri-lo segundo os ensinamentos de Deus. Ele enviou Cristo para nos provar que o sofrimento é temporário e que não existe desafio intransponível quando temos fé.

Pensamentos Frequentes Sobre a Perda dos Entes Queridos

Silencia e Espera, pois o tempo de Deus é diferente do nosso.

Não se aflija quando os pensamentos trouxerem lembranças tristes, ora com fé, pedindo a Deus que interceda através de seus anjos protetores, para que você possa seguir sua missão e tenha a oportunidade, ainda nesta vida, de reparar as faltas que, porventura, possa ter cometido. Confia na oração e no poder que uma conversa com Deus pode oferecer a você e sua família, tanto os encarnados quanto os desencarnados.

“Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.” Aprendamos a perdoar os outros e nos perdoar também, para que as aflições de dias passados não interfiram negativamente em nosso adiantamento.

Preces pelos Entes Queridos

Existem duas preces muito boas que você pode fazer no momento de dormir ou quando acordar:

PRECE 01: Nas Aflições da Vida:

Prece Retirada do Evangelho Segundo o Espiritismo. 

Deus Todo-Poderoso, que vedes as nossas misérias, dignai-vos escutar favoravelmente os pedidos que vos dirijo neste momento. Se o meu pedido for inconveniente, perdoai-mo; se for justo e útil aos vossos olhos, que os bons espíritos que executam vossas vontades venham em minha ajuda para o seu cumprimento.

O que quer que me advenha, meu Deus, que a vossa vontade seja feita. Se meus desejos não são atendidos, é porque entra nos vossos desígnios me experimentar, e eu me submeto ser murmurar. fazei com que eu não conceba nisso nenhum desencorajamento, e que nem minha fé, nem minha resignação, sejam abaladas.

(FORMULAR O PEDIDO)

PRECE 02: Pelas Pessoas a Quem Tivemos Afeição

Prece Retirada do Evangelho Segundo o Espiritismo. 

Dignai-vos, ó meu Deus, acolher favoravelmente a prece que vos dirijo pelo espírito de …(Pessoa para Quem Desejamos Orar)…. Fazei-lhe entrever as vossas divinas claridades, e lhe tornai fácil o caminho da felicidade eterna. Permiti que os bons espíritos levem a ele as minhas palavras e o meu pensamento.

Tu que me eras caro neste mundo, ouve minha voz que te chama para te dar um novo testemunho da minha afeição. Deus permitiu que fosses libertado primeiro; eu não poderia me lamentar com isso, sem egoísmo, porque seria estar aflito por não ter mais para ti as penas e os sofrimentos da vida. Espero, pois, com resignação, o momento da nossa reunião no mundo mais feliz, no qual me precedeste.

Óh! como é doce e consoladora a certeza de que não há entre nós senão um véu material que te oculta à minha visão! Que tu possas estar aqui, ao meu lado, ver-me e ouvir-me como antigamente, e melhor ainda do que antigamente, que não me olvideis mais, e que eu mesmo não te ouvide; que os nossos pensamentos não cessem de se confundir, e que o teu me siga e me sustente sempre.

Que a paz do Senhor Seja Contigo.


“Convence-te de que não existem males eternos. Toda dor chega e passa.”

Pelo Espírito Emmanuel, Psicografia de Chico Xavier.